Iniciar sessÃo
Email Senha
O Informador Fiscal \ Política de Privacidade



Política de Privacidade e de tratamento de dados

O “O Informador Fiscal (OIF) - Edições Técnicas, Lda.”, adiante designado por “O Informador Fiscal”, é responsável pelas marcas, O Informador Fiscal; Lexit; Revista Portuguesa de Contabilidade; iRX; Serviço de Insolvências, Escritório Fiscal e respectivos sites. Compromete-se a garantir a privacidade dos dados pessoais recolhidos e/ou transmitidos online. A segurança e a privacidade dos dados dos nossos utilizadores são aspetos que assumem para a empresa uma importância crucial.

A privacidade e segurança dos seus dados pessoais é uma prioridade para o “O Informador Fiscal”, pretendemos por isso ser abertos e transparentes no que diz respeito ao tratamento dos seus dados pessoais.

Temos, por isso, uma política que define o modo como os seus dados pessoais serão tratados e protegidos.

Agradecemos, que leia o texto que se segue, de forma a compreender e tomar conhecimento das metodologias utilizadas para tratamento das informações prestadas pelos nossos utilizadores. Ao “O Informador Fiscal” reserva-se o direito de alterar a presente política de privacidade e de tratamento de dados pessoais, pelo que se aconselha uma leitura regular deste documento.

O presente documento reproduz fielmente a política de privacidade e de tratamento de dados seguida pelo “O Informador Fiscal”.

O “O Informador Fiscal”, é responsável pelo tratamento de dados pessoais que lhe são disponibilizados e responsabiliza-se pelos referidos dados pessoais de acordo com a legislação aplicável em matéria de proteção de dados. Assim, poderá encontrar aqui a resposta às seguintes questões:

Índice

  • 1. Qual é a informação recolhida sobre os utilizadores?
  • 2. Que tipos de dados pessoais processamos?
  • 3. Qual é a entidade responsável pela recolha da informação?L

    Caso tenha qualquer dúvida sobre alguns dos pontos aqui apresentados, agradecemos que nos comunique por email para cliente@informador.pt ou por correio para, O Informador Fiscal, Rua Domingos Sequeira, n.º 178, 4050-230 Porto.



    1. Qual é a informação recolhida sobre os utilizadores?

    Para que um utilizador possa ter acesso à informação disponibilizada nos sites do “O Informador Fiscal”, tem que proceder ao ato de registo, através do preenchimento do formulário que se encontra disponível online no respetivo sítio eletrónico, nas moradas https://www.informador.pt/ , https://lexit.informador.pt , https://rpc.informador.pt , http://irx.informador.pt e https://loja.informador.pt .

    A recolha dos dados pessoais é efetuada no momento do registo nos sites ou no momento de compra na loja online do “O Informador” ou ainda, no momento, em que realize uma compra diretamente a um colaborador, tanto nas instalações, como aquando da presença em eventos.

    A informação recolhida é a necessária para assegurar a identidade do utilizador e consequentemente promover a prestação do serviço adjudicado, bem como proceder ao envio da informação subscrita. O fornecimento dos dados solicitados no ato de registo dos sites do “O Informador Fiscal” é obrigatório para que o utilizador possa usufruir dos serviços disponíveis.

    No ato de registo, a informação que o utilizador disponibiliza, tem por objetivo a prestação de um serviço mais adequado às suas características e necessidades, o envio de informações relacionadas com a utilização dos serviços prestados pelo “O Informador Fiscal” e o envio de informação complementar acerca de serviços ou produtos fornecidos pelo “O Informador Fiscal” que poderão ser do interesse do utilizador.

    O utilizador poderá atualizar as informações por si fornecidas, sempre que quiser e com total autonomia, na área “Conta Pessoal" após efetuar o seu login, mediante a introdução do seu nome de utilizador e da sua palavra-chave.

    Todas as operações de fornecimento de dados pessoais estão devidamente protegidas. Toda a informação recolhida é encriptada e gerida com avançadas ferramentas de segurança.

    2. Que tipos de dados pessoais processamos?

    Iremos tratar as seguintes categorias de dados pessoais:

    • - Informações de contacto como endereço de e-mail, número de telefone, morada, código postal;
    • - Número de contribuinte;
    • - Grau académico;
    • - Profissão;

    3. Qual é a entidade responsável pela recolha da informação?

    O “O Informador Fiscal” é o único responsável pela recolha e tratamento de dados pessoais efetuada nos seus sites, na sua loja online ou aquando da sua presença em eventos relativamente aos dados que sejam recolhidos pelos seus colaboradores.

    Sempre que o utilizador termine a sua visita a qualquer um dos sites, o “O Informador Fiscal” não assume qualquer responsabilidade pela informação recolhida fora das respetivas páginas eletrónicas.

    4. O que são cookies e como é que o “O Informador Fiscal” os utiliza?

    Para poder prestar um serviço mais personalizado e ao agrado dos seus utilizadores, o “O Informador Fiscal” utiliza, nos seus sites, cookies para recolher e guardar informação. Um cookie é um pequeno ficheiro informativo que é enviado do servidor dos sites d’ “O Informador fiscal” para o browser do leitor e armazenado no respetivo computador. Estes cookies serão apenas utilizados pelo “O Informador Fiscal” e a sua utilização limita-se às seguintes finalidades:

    • - Permitir ao “O Informador Fiscal” saber quem é o utilizador e, dessa forma, prestar um serviço melhor, mais seguro e personalizado;
    • - Estimar os níveis de utilização dos serviços. A cada utilizador corresponde um cookie individual, garantindo desta forma a privacidade e a segurança dos dados. A apresentação dos dados estatísticos é feita de uma forma agregada e não individual, não permitindo a identificação do utilizador. Desta forma, é possível avaliar o desempenho dos sites numa perspetiva de atualização e melhoria constantes, para que se possa satisfazer os gostos e as necessidades do utilizador.

    Esta secção explica o que são cookies, qual o seu propósito e como os pode alterar ou remover. Esperamos que ao compreender o uso de cookies se sinta mais seguro e confiante ao utilizar os SÍTIOS do “O Informador Fiscal”.

    4.1. O que são cookies?

    Cookies são pequenos ficheiros de texto que armazenam fragmentos de informação no seu computador ou dispositivo móvel quando visita ou navega num sítio na internet.

    4.2. Para que servem os cookies?

    Os sítios na internet usam cookies para guardar informação que posteriormente utilizam para tornar mais eficiente a sua experiência de navegação de forma direta ou indireta. Por exemplo, de forma direta guardando o seu nome de utilizador para que não tenha de o reintroduzir na sua próxima visita, ou de forma indireta ao armazenarem dados estatísticos que fornecem orientações para implementar melhoramentos em função da experiência dos utilizadores.

    4.3. Que tipo de cookies utilizamos?

    Os portais do “O Informador Fiscal” usam diferentes tipos de cookies, abaixo discriminados, em função de diferentes propósitos.

    4.4. Cookies básicos e essenciais

    Este tipo de cookies é essencial à navegação no portal e, sem eles, algumas funcionalidades do portal poderão estar comprometidas, apresentar anomalias ou não operar de todo.

    4.5. Cookie "ASPSESSIONID"

    É usado para facultar o controlo da sessão de utilizador. Este cookie pode ser apagado ou bloqueado, porém afeta severamente o comportamento do portal.

    4.6. Cookies funcionais

    Estes cookies ajudam-nos a facultar uma melhor experiência de navegação, personalizando conteúdos de acordo com os hábitos de navegação do visitante, sem o identificar pessoalmente. Ou seja, sem guardar qualquer informação sobre a identidade do utilizador.

    4.7. Cookies de análise e estatística

    São utilizados para reunir informação sobre como o portal é utilizado, o que permite melhorar a maneira como opera. Por exemplo, os cookies de análise permitem-nos concluir quais as páginas mais visitadas ou quais as possíveis dificuldades que os visitantes enfrentam durante a navegação. Isto faculta-nos uma visão global da utilização do portal, ao invés da experiência pessoal de um único visitante. Alguns destes cookies podem ser geridos por entidades externas ao “O Informador Fiscal”. Aceitar o uso destes cookies é uma condição dos portais do “O Informador Fiscal” e, ao continuar a usar este portal, está a concordar com a gravação dos mesmos cookies no seu dispositivo ou computador. Se desejar a exclusão destes cookies, por favor visite https://tools.google.com/dlpage/gaoptout.

    4.8. Outros cookies

    Alguns cookies nos portais do “Os Informadores Fiscais” são geridos por outras entidades, como o Twitter, YouTube ou Facebook. Não nos é possível controlar estas entidades ou a sua política de cookies. Isto significa que não nos é possível gerir estes cookies. Por favor visite os sítios na internet dessas entidades para saber mais detalhes sobre a sua política de cookies.

    4.9. Como posso controlar e gerir os cookies?

    O visitante pode, em qualquer altura, negar o acesso a cookies por parte dos portais do “O Informador Fiscal”, ao ativar a opção respetiva no browser de internet. Para mais informações sobre os procedimentos a seguir para exercer esta opção, consulte a secção de ajuda no seu browser ou consulte o sítio na internet do respetivo fabricante. Outros esclarecimentos sobre cookies e os browsers mais comuns podem ser obtidos na página http://www.allaboutcookies.org/manage-cookies/index.html.

    Por favor, tenha sempre em atenção que se optar por desativar o uso de cookies, o correto funcionamento dos portais do “O Informador Fiscal” não pode ser assegurado.

    5. Como é que a informação recolhida é utilizada?

    A informação recolhida servirá apenas para os seguintes propósitos:

    • • Faturação e entrega de compras de serviços e produtos;
    • • Elaboração de estatísticas que permitam perceber como o “O Informador Fiscal” poderá melhorar o nível de serviços que presta e, dessa forma, corresponder mais eficazmente às expectativas dos seus utilizadores e de quem utiliza os seus sites como ferramenta diária de trabalho;
    • • Aumentar o nível de personalização dos serviços para que se adequem, na maior medida possível, aos gostos e preferências dos leitores.
    • • Envio de newsletters com informação relevante para o utilizador, informação fiscal com conteúdo (ex: avisos fiscais, artigos de opinião, informações acerca de formações), informação de produtos.

    Os dados pessoais fornecidos pelos utilizadores serão tratados exclusivamente para fins ligados à execução do respetivo contrato, bem como, se o utilizador assim o autorizar, para atividades de informação e marketing do “O Informador Fiscal”.

    Qualquer comunicação de dados será feita mediante prévio consentimento dos titulares dos dados.

    O “O Informador Fiscal” não procederá à venda, aluguer, partilha ou oferta dos dados fornecidos pelos seus utilizadores, quer isto dizer que, os dados recolhidos são para seu uso exclusivo.

    Atualmente o armazenamento dos dados é feito em servidores internos, localizados nas instalações do “O Informador Fiscal”, ou em capas devidamente guardadas em armário fechado, também nas instalações do “O Informador Fiscal”, no caso de dados recolhidos em formato físico.

    No entanto, poderá surgir a necessidade de armazenamento de dados no exterior das instalações do “O Informador Fiscal”, este armazenamento pode ocorrer dentro do Espaço Económico Europeu (“EEE”), mas também podem ser transferidos e consequentemente serem objeto de tratamento num país fora do EEE. Nesse caso, a transferência dos seus dados pessoais será realizada em conformidade com as leis aplicáveis.

    No caso de transferências para fora do EEE, o “O Informador Fiscal” recorrerá a Cláusulas Contratuais Padrão e ao “Privacy Shield” como salvaguardas para países que careçam de decisão de adequação por parte da Comissão Europeia.

    Qualquer alteração no modo de armazenamento dos dados será comunicada aos titulares dos dados pessoais.

    6. Que procedimentos de segurança têm os sites do “O Informador Fiscal” que garanta aos leitores a proteção dos seus dados contra o acesso, a alteração ou a destruição não autorizada?

    O “O Informado Fiscal” toma todas as precauções necessárias e legalmente exigidas para garantir a proteção da informação recolhida junto dos seus utilizadores através dos seus sites e por outros meios, posteriormente passados para formato digital. Estas precauções garantem a segurança online e offline dessa informação.

    Sempre que seja recolhida ou utilizada informação, os dados serão encriptados através de SSL.

    Graças ao protocolo SSL (Security Sockets Layer), 256 bits, que protege a transmissão de todos os dados sensíveis pela Internet, toda a informação é tratada com o máximo de segurança. A sua privacidade é assegurada e o risco de intercepção de dados durante a comunicação é completamente anulado.

    Se tiver alguma questão a colocar-nos sobre a segurança e privacidade que o “O Informador Fiscal” lhe garante, pode colocá-la para a cliente@informador.pt ou por correio para O Informador Fiscal, Rua Domingos Sequeira, n.º 178, 4050-230 Porto.

    7. De que forma pode o utilizador corrigir ou eliminar as informações que facultou previamente ao “O Informador Fiscal”?

    No âmbito das condições de utilização dos sites do “O Informador Fiscal” e de todos os seus serviços, o utilizador compromete-se a fornecer e a manter atualizados e verdadeiros todos os seus dados pessoais. Por sua vez, o “O Informador Fiscal” garante aos seus utilizadores a possibilidade de corrigir e atualizar os seus dados através da opção “Área Pessoal”, disponível nos sites. Para solicitar a eliminação dos seus dados, os utilizadores deverão contactar o “O Informador Fiscal” por email ou via postal (cliente@informador.pt, ou por correio para O Informador Fiscal, Rua Domingos Sequeira, n.º 178, 4050-230 Porto ou ir à “Área pessoal” no site e escolher a opção “alterar dados”, onde podem gerir os dados, apagar dados e cancelar subscrições de newsletters .

    8. Alteração de Condições de Utilização dos sites “O Informador Fiscal”.

    Sempre que houver uma alteração das condições de utilização dos sites do “O Informador Fiscal”, designadamente nas Condições de Serviço ou na Política de Privacidade, esta, é comunicada aos utilizadores. A comunicação será feita através do envio de um e-mail a todos utilizadores registados.

    9. Autorização para Utilizações Diversas

    Se o “O Informador Fiscal” pretender utilizar os dados dos seus utilizadores para finalidades distintas daquelas para as quais recebeu autorização inicial, será solicitada uma nova autorização dos leitores para essa utilização específica.

Pesquisa Rápida
Avisos Fiscais

Outubro de 2021

D

S

T

Q

Q

S

S

12

3

4

F

6

7

89

10

1112

13

14

1516

17

18

19

20

21

2223

24

25

26

27

28

2930

31

Download Agenda Fiscal

10.07.2021

Euribor: taxa a 6 meses inicia subida

Com um crescimento de 0,004 pontos percentuais, a taxa a 1 mês sobe para os -0,552%. Também em sentido ascendente, segue a taxa Euribor a 3 meses, subindo 0,003 pontos percentuais para -0,543%.